1ª CONFERÊNCIA REFORMADA EM MAPUTO

Nos dias 10 e 11 de outubro do corrente ano (2019) o IBGI realizou a primeira conferência reformada em Moçambique, na capital Maputo. Essa conferência visou a glória de Deus através da pregação do Evangelho. Muitos líderes participaram e alegremente receberam os ensinos da Palavra de Deus de acordo com a confissão reformada.

Tivemos uma participação significativa no evento em torno de 120 conferencistas, o que nos surpreendeu bastante dada as circunstâncias adversas. Mas Deus na sua infinita graça chamou muitos para que ouvissem os ensinos bíblicos. A partir deste encontro teológico alguns foram despertados a fazer o Bacharel em Teologia em 2020 e outros saíram comprometidos a participarem no ano seguinte e levarem outros.

O Reverendo Márcio Willian Chaveiro, Diretor do IBGI, foi um dos palestrantes e expôs com base no tema “Percebendo a Teologia Reformada”. Outro palestrante foi o Reverendo Ronaldo Pereira Mendes, pastor da 1ª Igreja Presbiteriana Conservadora de Curitiba e professor do IBGI, falou sobre “Aconselhamento Cristão”. Em ambas palestras tivemos boa participação e perguntas posteriores, foi realizado uma mesa redonda para que perguntassem relacionado ao que foi exposto pelos conferencistas.

Ao final, o Pastor Francisco José Vieira pastor da Igreja Batista Regular em Maputo sede do Seminário IBGI, sorteou alguns livros para os conferencistas e camisetas da conferência. Após este evento, foram ministrados até o dia 17 de outubro módulos na Igreja Batista Regular visando à preparação de liderança, os mesmos palestrantes da conferência foram os ministradores dos seguintes módulos:

  1. Escatologia
  2. Exposição dos Salmos 22-24
  3. Aconselhamento Cristão

Louvamos a Deus pela oportunidade de anunciar fielmente a sua Palavra neste país e contribuir para a expansão do seu Reino na África! Agradecemos todos os irmãos que contribuíram para que pudéssemos realizar esse trabalho através de suas ofertas e orações. A Ele toda a glória hoje e sempre! Amém.

Reverendo Márcio Willian Chaveiro

 

Comentários