Cosmovisão Cristã e os desafios da Atualidade

Certa vez ouvi: “Todo homem morre mas nem todo homem vive!” Esta foi a declaração do personagem William Wallace no filme “Coração Valente”, personagem representado por Mel Gibson. Concordo com esta frase e aplico a nossa vida cristã. Paulo disse que o viver dele era Cristo e o morrer lucro (Fl 1.21). Essa convicção moveu […]

A forma de orar e o perigo do formalismo

A Palavra de Deus insiste conosco quanto à necessidade que temos de orar, já que a oração foi instituída e é ensinada por Deus por nossa causa, para o nosso bem, não por alguma carência no ser de Deus. Aliás, os preceitos de Deus não visam simplesmente satisfazê-lo, mas, sim, propor caminhos para o homem, […]

Saber ouvir, uma virtude teológica

“Por isso, também eu, tendo ouvido” (Ef 1.15).   Na Carta aos Efésios, o Apóstolo Paulo, após descrever em forma doxológica aspectos dos grandes feitos de Deus de eternidade à eternidade, tendo como ponto fundamental a sua graça abençoadora que nos elege, redime, adota e sela (Ef 1.3-14), agora, volta-se à igreja como alvo de sua […]

Introdução ao Estudo dos Credos e Confissões – A Doutrina de Cristo antes da Reforma – Um panorama histórico (parte 1)

Por Hermisten Maia Pereira da Costa Já nos primeiros séculos da Era Cristã, surgiram diversas heresias concernentes à Pessoa de Cristo e à relação das suas duas Naturezas. Essas heresias ora negavam a divindade, ora diminuíam a humanidade de Cristo. Alguns teólogos, no afã de combater alguma forma de erro, caíram com frequência em outro; passando […]

Introdução ao Estudo dos Credos e Confissões – A Doutrina de Cristo antes da Reforma – Um panorama histórico (parte 2)

C. Monarquianismo    O nome é derivado de duas palavras gregas, mo/noj & a)rxh/, daí, “Um só Princípio”, “Um só Deus”. O Monarquianismo modalista foi a heresia mais influente do terceiro século.[1] A sua preocupação era a defesa do monoteísmo, negando toda e qualquer ideia de diversidade no Ser divino, daí a tentativa de conciliar a doutrina do […]

Introdução ao Estudo dos Credos e Confissões – A Ortodoxia Protestante

Publicado por Hermisten Maia Pereira da Costa em 18 de dezembro de 2018 em seu blog 3. Elementos geradores Para que possamos fazer uma análise objetiva deste período, temos de considerar alguns pontos ligados ao seu contexto histórico.   A. A Educação formal da época Apesar de a filosofia de Aristóteles (384-322 a.C.) ter perdido em […]

Introdução ao Estudo dos Credos e Confissões – A Ortodoxia Protestante

3. Elementos geradores D. A Preservação da Sã Doutrina O objetivo dos teólogos desse período foi preservar a doutrina bíblica de heresias, principalmente das heresias romanas, apresentando um todo sistematizado que pudesse servir de manual doutrinal e confessional da Igreja. “O elemento doutrinário tornou-se muito mais importante para a ortodoxia do que para a Reforma, […]

Introdução ao Estudo dos Credos e Confissões – A Ortodoxia Protestante

4. Pietismo oposto à Ortodoxia? Apesar de exageros de ênfase, conforme já mencionamos, não devemos nos esquecer de que nesse período há evidências de uma viva e sólida piedade cristã.[1] Isto se torna ainda mais patente, quando encontramos na obra do pai do Pietismo, Ph. J. Spener (1635-1705), Pia Desideria (1675), o reconhecimento da piedade de Johann Gerhard […]

Introdução ao Estudo dos Credos e Confissões – Principais Catecismos e Confissões Reformados

1. Confissão Gaulesa (1559) A Confissão Gaulesa que não é muito conhecida e difundida em nosso meio, exerceu grande influência doutrinária sobre outras Confissões Reformadas. Ela foi escrita por Calvino (1509-1564) e seu discípulo Antoine de la Roche Chandieu (De Chandieu) (1534-1591),[1]provavelmente com a ajuda de Theodore Beza (1519-1605) e Pierre Viret (1511-1571). Inicialmente tinha […]