Em defesa da mulher de Jó – por Dr. Daniel Santos

O que motivou a mulher de Jó a sugerir ao seu marido que amaldiçoasse a Deus e morresse? Não é fácil entender as razões que a levaram a criticar duramente a piedade dele. É verdade que a dor causada pela morte de seus filhos teve uma contribuição significante em sua atitude, mas isso não explica e nem justifica as implicações de seu pronunciamento ao recomendar que Jó amaldiçoasse a Deus. De que maneira isso ajudaria Jó, ou ela mesma, a suportar o sofrimento pela perda de seus filhos? Pesando contra ela está o fato de que Deus via com bons olhos a integridade do seu marido, ao ponto de comentar isso com ninguém menos que Satanás. Por que essa mulher não via a piedade do seu marido com a mesma apreciação que Deus via? Será que ela sabia de algo da vida íntima do casal que nem mesmo Deus sabia? Não. Certamente esse não era o motivo. Qual seria então o motivo, por trás dessa afirmação tão bombástica, num momento tão delicado na vida daquele casal? Considere comigo os itens a seguir.

Continue lendo o artigo no Blog do Dr. Daniel Santos: http://danielsantosjunior.com.br/em-defesa-da-mulher-de-jo/

Comentários